ADJ Comunicação

Jornalismo e opinião: todo mundo vê!

Serra começa segundo turno com mais baixarias

Posted by Armando em 09/10/2010

Depois de ter tentado passar para o segundo turno da eleição presidencial deste ano fazendo ligações entre Dilma Roussef (PT) e o ex-deputado José Dirceu (PT-SP), José Serra (PSDB) começou sua campanha com baixarias pra todo lado com o objetivo de vencer o pleito.

No programa de rádio veiculado ontem (8/10), no horário do almoço, o tucano abriu “mala de ferramentas”. Um dos apresentadores falou de sua votação no primeiro turno, na qual alcançou cerca de 33 milhões de votos, e pouco depois, em outra fala, afirmou que Serra teve “mais de 50 milhões de votos para chegar ao segundo turno”. De matemática, todos sabem, o ex-governador de São Paulo não entende nada, como já foi amplamente divulgado na internet (veja aqui), mas daí somar os 20 milhões de votos obtidos por Marina Silva (PV) aos seus é demais.

O programa de Serra no rádio também apelou para desqualificar a candidata petista, ressaltando aos ouvintes para não terem MEDO e votarem em quem tem experiência e história. Como o próprio presidente Lula tem dito nos últimos dias, o termo MEDO foi usado e abusado na campanha de Serra de 2002, quando foi derrotado na corrida para a Presidência da República. Essa mesma mesquinharia ressurge agora contra Dilma na tentativa do candidato das privatizações de chegar lá.

Pergunto: se em 2002, com a experiência apenas de deputado federal e ministro de Fernando Henrique Cardoso (PSDB), José Serra aceitaria que seu adversário, no caso Lula, baixasse tanto o nível na campanha, comparando “currículos”, como tem feito agora com Dilma Roussef. Pois é, foram apenas dois anos de mandato como prefeito, pois o tucano Serra largou no meio a Prefeitura de São Paulo para agarrar o Governo do Estado, no qual há pelo menos um ano deixou de lado para se dedicar à campanha para presidente da República.

A baixaria de ontem no rádio do Serra não parou por aí. Dois atores fizeram um diálogo pra lá de sacana, envolvendo uma lojinha de R$ 1,99 que Dilma supostamente teve em Porto Alegre. No final da conversa falaram que a loja fechou, pois não foi bem administrada, insinuando que a petista não teria condições de dirigir o Brasil, pois não conseguiu manter esse negócio.

Com esse nível de política dá pra imaginar por que José Serra não conseguiu elaborar um Programa de Governo. Com certeza, sua “competente” equipe está muito atarefada, criando coisas desse tipo o tempo todo e não tem tempo para pensar no futuro do Brasil.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: