ADJ Comunicação

Jornalismo e opinião: todo mundo vê!

Archive for 21 de novembro de 2010

Malucelli ameaça deixar o LEC se sua chapa não ganhar eleição do Clube

Posted by Armando em 21/11/2010

A tão sonhada reestruturação do LEC (Londrina Esporte Clube) ameaça não sair do papel novamente. Depois que a Justiça do Trabalho conseguiu fechar contrato com a SM Sport, do empresário de futebol, Sérgio Malucelli, prevendo a administração do time por 10 anos, a partir de janeiro de 2011, tudo poderá voltar à estaca zero em função da eleição para composição da diretoria do Londrina, marcada para o dia 27 de novembro.

Malucelli não gostou da inscrição de uma chapa encabeçada pelo sócio do clube, Getúlio Castilho. “Se o presidente não for da nossa chapa, estaremos fora do Londrina”, declarou o empresário em entrevista concedida à Rádio Paiquerê, deixando a entender que só administrará o a agremiação se seu candidato, Cláudio Canuto, seja eleito presidente. Há anos o Londrina passa por uma crise sem precedentes, que levou o time para a terceira divisão do Campeonato Brasileiro e segunda do Paranaense. Apesar disso, cerca de 350 sócios estão em dia com a tesouraria do Clube e parte deles decidiu organizar uma chapa de oposição, segundo Castilho, para “fiscalizar o cumprimento do contrato” com a SM Sport.

A chapa apoiada por Sérgio Malucelli tem o aval do prefeito de Londrina, Homero Barbosa Neto (PDT), que cancelaria o patrocínio ao Clube, através da Sercomtel (Companhia de Telefônica de Londrina) caso esta perca a eleição, conforme declarou o empresário. Pelo jeito, essa novela vai tomar novos rumos. Na segunda-feira (22/11), Sérgio Malucelli estará reunido com a Justiça do Trabalho para tratar deste assunto.

Infelizmente, a reestruturação do LEC continua envolta numa disputa política. Entendo que o contrato fechado com o empresário, que também proprietário do Iraty Sport Club, o “Azulão” do Paraná, lhe dá plenos poderes para administrar o Clube sem que seja necessária a formação de uma diretoria. Além do nome e a história, com três títulos paranaenses e a Copa de Prata em 1980, o Londrina hoje não tem mais nada. A sede campestre foi leiloada dia atrás para pagar parte da milionária dívida trabalhista e a administrativa fica nos porões do Estádio Vitorino Golçalves Dias, que pertence à Prefeitura e está cedido em regime de comodato ao Clube.

Conversei ontem com um sócio remido do LEC e ele tem o mesmo posicionamento: não precisa ter disputa nenhuma para saber quem vai comandar o time. Os grupos “de fora”, embora formados por sócios, não têm por que colocar a “colher” nesta panela. Malucelli arrendou o Londrina e terá que cumprir os deveres assumidos perante a Justiça do Trabalho sob pena de arcar com as penalidades previstas no contrato, como ocorreu com o grupo anterior que se aventurou a reestruturar o time e não fez nada. No mais, não há o que fazer com o velho “Tubarão”.

A situação está tão preta que quase adquiri o título remido do colega sócio que encontrei ontem pela bagatela de R$ 100,00. Sabe, ele quase aceitou e até disse: “é um bom valor para uma coisa que não vale nada”.

Vida nova ao LEC!

Posted in NOTÍCIA | Etiquetado: , , | Leave a Comment »

 
%d blogueiros gostam disto: