ADJ Comunicação

Jornalismo e opinião: todo mundo vê!

Direitos da Classe Trabalhadora estão em jogo na eleição presidencial

Posted by Armando em 09/09/2014

Bandeira do BrasilFaltando menos de um mês para os mais de 140 milhões de eleitores brasileiros irem às urnas escolher quem vai ocupar a Presidência da República, os governos dos 26 Estados e do Distrito Federal, além dos 513 representantes na Câmara dos deputados e 81 do Senado, é hora de analisar o perfil de cada um e não errar na hora de votar.

Neste mundo cada vez mais globalizado e ainda chamuscado pela crise financeira internacional, gerada graças a operações especulativas dos grandes bancos e a falta de regulamentação do setor, o Brasil não pode seguir este caminho, sob o risco de voltar ao passado, nos tempos em que era comum pedir empréstimos ao FMI (Fundo Monetário Internacional), ver o desemprego e as desigualdades crescerem e a miséria tomar conta das ruas.

Por isso, traço aqui um breve relato das três principais candidaturas com chances de vencer a eleição para presidente da República, com o objetivo de alertar aos leitores, em especial trabalhadores e trabalhadoras, sobre o que está em jogo nesta disputa e o que cada uma vai representar para o futuro do país e, também, para o seu emprego:

Dilma Rousseff – A reeleição de Dilma para a Presidência da República significa dar prosseguimento ao atual modelo de gestão democrático e popular, implantado pelo ex-presidente Lula, cuja a maior característica é desenvolver ações voltadas para os interesses de toda a sociedade e não apenas para um determinado grupo.

Seu Governo tem se empenhado na contenção da inflação, no incentivo às indústrias, manutenção dos Programas Sociais voltados para a habitação, incentivo à Educação, erradicação da miséria, distribuição de renda e diversos outros que mudaram o país nos últimos 12 anos.

PRINCIPAIS CONQUISTAS DA CLASSE TRABALHADORA ENTRE 2003 E 2014

– Implantação da Política de Valorização do Salário Mínimo

– Reconhecimento legal das Centrais Sindicais

– Ampliação da Licença-maternidade de 120 para 180 dias

– Eleição direta para escolha de representante nos Conselhos de Administração das Estatais

– Correção da Tabela do Imposto de Renda Retido na Fonte

– Isenção da tributação do Imposto de Renda dos valores de PLR inferiores de até R$ 6.270,00

– Instituição do Vale-cultura

Aécio Neves – Herdeiro da oligarquia política mineira, Aécio Neves (PSDB), ex-governador de Minas Gerais e atual senador por seu Estado, significa a volta do pensamento neoliberal no comando do país, dando continuidade ao projeto encaminhado por Fernando Henrique Cardoso, marcado pela privatização de inúmeras empresas e bancos públicos, congelamento de salários dos servidores federais, bem como a supressão de direitos e o fim da isonomia entre novos e antigos funcionários. FHC também criou medidas para facilitar a redução de direitos dos trabalhadores com a desculpa de combater o desemprego no país, abrindo o caminho para a terceirização.

Sem ter muito a apresentar, o candidato tucano está prometendo aumentar os valores das aposentadorias e fazer milagres para melhorar o atendimento no SUS. Um deles é criar estímulos aos médicos especialistas a abrirem consultórios em cidades do interior. É desse jeito que Aécio pretende mudar o Brasil.

HERANÇA MALDITA DO GOVERNO DO PSDB – 1995/2002

– 7 anos de congelamento dos salários dos servidores federais e funcionários das empresas estatais

– Lançamento de Programas de Demissão Voluntária nas empresas estatais

– Reforma da Previdência Social, com corte das aposentadorias especiais e instituição do Fator Previdenciário; fim da aposentadoria por tempo de serviço pela aposentadoria por tempo de contribuição ao 60 anos para as mulheres e 65 para os homens

– Congelamento da Tabela do Imposto de Renda Retido na Fonte

– Flexibilização (corte) de direitos dos trabalhadores para facilitar a terceirização

– Retirada de direitos (Licença-prêmio, anuêni etc.) dos funcionários contratados após 1998 pelas empresas estatais (Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Banco da Amazônia etc.)

Marina Silva – Afirmando ser “apolítica”, ou seja não gostar de política, a ex-ministra do governo Lula e ex-senadora pelo PT, Marina Silva (PSB), já passou por alguns partidos e até tentou fundar o seu próprio partido. Tem ao seu lado os banqueiros Roberto Setubal e Neca Setubal, herdeiros do Banco Itaú, o ex-presidente do Citibank no Brasil, Álvaro de Souza, e o apoio de fazendeiros, representados em sua chapa pelo seu vice, Beto Albuquerque.

Em seu programa de governo, a candidata do Acre defende a terceirização irrestrita no país como forma de proporcionar maior produtividade para as empresas. Tendo ao lado banqueiros, ela também pretende dar total autonomia ao Banco Central, deixando os bancos agirem como bem entenderem, praticando taxas de juros e tarifas ainda maiores das que cobram atualmente. Marina também defende o agronegócio e pretende deixar em segundo plano a agricultura familiar, hoje responsável por 60% dos alimentos consumidos pelos brasileiros.

PROPOSTAS DA CANDIDATURA MARINA SILVA
QUE AMEAÇAM A CLASSE TRABALHADORA

– Liberação da terceirização de forma irrestrita, como prevê o Projeto de Lei 4330

– Redução dos custos das empresas para aumentar a produtividade, ou seja, o lucro líquido

– Inventivo ao agronegócio para fortalecer os latifundiários

– Fim dos programas sociais (Bolsa Família, Mais Médicos, Minha Casa Minha Vida, Prouni etc.)

– Autonomia ao Banco Central, deixando os bancos livres para praticarem as taxas de juros e tarifas da forma como quiserem

– Fim do crédito imobiliário e dos financiamentos para a produção através dos bancos públicos

Você tem até o dia 5 de outubro para analisar o que representará cada um desses três candidatos a presidente do Brasil. Pense bem e vote consciente, pois, diferente do que muitos dizem por aí, o resultado da eleição pode mudar em muito a sua vida.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: