ADJ Comunicação

Jornalismo e opinião: todo mundo vê!

Servidores do Paraná deflagram greve contra “pacotaço” do governador Beto Richa

Posted by Armando em 08/02/2015

Foto Assembleia APP Sindicatoa 07022015 maiorEm Assembleias realizadas neste final de semana em diversas cidades do Paraná, servidores públicos estaduais aprovaram deflagração de greve por tempo indeterminado contra o “pacote de maldades” lançado pelo governador Beto Richa (PSDB) neste início de ano.

A Assembleia Geral da APP Sindicato, realizada ontem (7/02), em Guarapuava, aprovou a deflagração de greve geral, por tempo indeterminado, a partir de segunda-feira (9/02). Estiveram presentes cerca de 10 mil pessoas. O movimento deve comprometer o retorno às aulas, amanhã, em mais de 2,1 mil escolas públicas estaduais.

Esta decisão tem por objetivo pressionar o governo a rever os ataques aos direitos dos servidores da Educação e aos demais, que sofreram calotes nos salários, no pagamento do terço de férias e podem ter rebaixadas conquistas históricas, como, por exemplo, o adicional por tempo de serviço (quinquênio), auxílio-transporte, Licença-especial, entre outros.

Além dos professores, servidores e técnicos administrativos da Rede Estadual de Ensino e da IEEs (Instituições Estaduais de Ensino Superior), também cruzará os braços o pessoal da saúde, com a paralização das atividades a partir do dia 12 de fevereiro.

Pressão constante

Entre outras atividades de pressão pela manutenção de conquistas históricas, que estão em risco com o “pacote de maldade” de Beto Richa, os servidores farão acampamento a partir da semana que vem em frente ao Palácio Iguaçu e da AL (Assembleia Legislativa). Os professores também farão contatos com os deputados estaduais em suas bases, cobrando a não aprovação dos projetos de lei enviados pelo governador à AL, que propõem os ataques aos direitos.

Neste final de semana, policiais militares e bombeiros que atuam na Operação Verão, com atividades no litoral paranaense, realizaram protestos denunciando o governo do Paraná pela falta de pagamento das diárias.

Falta de respeito

Segundo divulgou o Blog do Esmael, a primeira-dama e secretária de Estado da Família, Fernanda Richa, exprimiu através das Redes Sociais na sexta-feira (6/02) a média do pensamento do governo Beto Richa acerca da educação no Paraná.

Em postagens no Facebook e Instagram, a mulher do governador sugeriu que “os professores paranaenses tiveram 60% de reajuste salarial e 50% de hora-atividade, mas, mesmo assim, o Ideb caiu no período Richa”.

De acordo com Esmael, isto “não é exatamente como imagina a primeira-dama e o governo Richa como um todo. O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) 2013 caiu da primeira para a 11ª posição no ranking nacional porque o governo do vem sucateando da educação como nunca na história do Paraná.”

Postagens no site da Secretaria de Educação do Paraná a estratégia é a mesma, divulgar diversas notas referentes a reajustes concedidos, implantação da hora-atividade e outros, sem no entanto mencionar a crise que se abate sobre o setor.

Tentando com isso jogar a culpa nos professores pela queda no rendimento dos estudantes, a primeira-dama, da mesma forma como o governo de seu marido, não mencionou os motivos que está levando a classe à greve. Nenhum comentário a respeito do calote no terço de férias e nas rescisões trabalhistas dos professores PSS e nada também sobre a ameaça de extinguir conquistas como os quinquênios, auxílio-transporte e de comprometer a aposentadoria dos servidores públicos efetivos.

“No Palácio Iguaçu reina o pensamento, segundo qual, professores e funcionários públicos efetivos têm de ser tratados no cacete para baixarem a crista. Acham os palacianos que se o profissional for massacrado economicamente fica mais dócil, mais fácil de lidar”, avaliou o jornalista Esmael Morais.

Fonte: APP Sindicato e Blog do Esmael

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: