ADJ Comunicação

Jornalismo e opinião: todo mundo vê!

  • AGENDA

    novembro 2017
    S T Q Q S S D
    « ago    
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    27282930  
  • Assinar

  • Visitas ao Blog

    • 1,119,643 acessos

A partir de 1º/04, empresas devem preencher requerimento do Seguro-desemprego no site do MTE

Posted by Armando em 31/03/2015

Carteira de trabalho maiorA partir do dia 1º de abril, o MTE (Ministério do Trabalho e Emprego) só processará os requerimentos do Seguro-desemprego preenchidos pelas empresas através da internet. Este mesmo procedimento também será exigido em relação ao CD (Comunicado de Dispensa) de funcionários.

Esta mudança tem por objetivo tornar mais rápido o atendimento aos trabalhadores e trabalhadoras demitidos e dar maior segurança às informações sobre o pagamento deste benefício pelo MTE.

Para preencher o requerimento do Seguro-desemprego e a comunicação de dispensa de trabalhadores a empresa terá que utilizar o aplicativo Empregador Web, disponível no Portal Mais Emprego, do MTE.

Após o dia 31 de março de 2015, serão aceitos apenas os formulários gerados por meio do uso do Empregador WEB. Assim, serão consideradas as dispensas ocorridas a partir do mês de abril de 2015.

Com este sistema também será possível ter maior confiança nos dados, possibilitando ao Governo o cruzamento de informações sobre os trabalhadores em diversos órgãos, facilitando consultas necessárias para a liberação do Seguro-desemprego.

Seguro-desemprego

No Portal Mais Emprego também é possível acompanhar a tramitação dos pedidos de Seguro-desemprego dos trabalhadores.

Basta acessar o link Trabalhador e, em seguida, na opção Consulta de Habilitação do Seguro-desemprego, na qual deve ser digitado o número do PIS/PASEP e as letras de segurança.

Fonte: Ministério do Trabalho e Emprego
Anúncios

Posted in DIREITOS DO TRABALHADOR, NOTÍCIA | Etiquetado: , , , , | Leave a Comment »

Baixe por aqui o Extrato de benefícios do INSS 2014 para a Declaração do Imposto de Renda

Posted by Armando em 08/03/2015

logo INSS maiorO Blog ADJ Comunicação disponibiliza a você, leitor e leitora, o link de acesso ao Extrato de benefícios pagos pelo INSS, em 2014, a título de aposentadoria e pensão.

Clique no link para baixar o Extrato do INSS 2014.

Depois é só preencher o seu número de benefício, os dados pessoais e os caracteres de segurança. Não se esqueça: digite o nome no qual foi concedido o seu benefício.

O Imposto de Renda Pessoa Física deve ser entregue até o dia 30 de abril. A multa por atraso de entrega será de 1% ao mês-calendário, até 20%, com valor mínimo de R$ 165,74.

Devem receber rendimentos tributáveis, sujeitos ao ajuste na declaração, cuja soma anual foi superior a R$ 26.816,55 e as pessoas que receberam rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma foi superior a R$ 40.000,00. Para mais informações, clique aqui.

 Baixando os programas do IRPF 2015

Também disponibilizo aqui os links para baixar o programa para preenchimento do Imposto de Renda Pessoa Física 2015, ano-calendário 2014, e o do envio da Declaração via internet.

Clique aqui para baixar o programa para preenchimento do IRPF 2015

Clique aqui para baixar o Receitanet 2015

Para mais informações acesse o site da Receita Federal.

Posted in NOTÍCIA | Etiquetado: , , , , | Leave a Comment »

Vídeo em homenagem ao Dia Internacional da Mulher destaca desafios pela igualdade

Posted by Armando em 08/03/2015

A agência Abridor de Latas Comunicação Sindical e Institucional produziu o vídeo “Ser mulher, ser de luta – entenda as dificuldades enfrentadas por elas nos dias de hoje”, em homenagem ao Dia 8 de Março, Dia Internacional da Mulher. A produção aborda os desafios, lutas, conquistas e a eterna busca pelo merecimento do papel que a mulher representa na sociedade, com depoimentos de ativistas, sindicalistas e profissionais de algumas áreas, que relatam as dificuldades enfrentadas no dia a dia.

Com duração de apenas 14 minutos, o vídeo aponta desde a violência doméstica até a discriminação de gênero, apresentando dados sobre a baixa representação da mulher no parlamento no Brasil e a forma como ela é trada em países da África e da Ásia, onde sequer tem direito a votar.

 Assista o vídeo da agência Abridor de Latas e abrace esta luta!  

Posted in NOTÍCIA | Etiquetado: | Leave a Comment »

Entenda o que está por trás dos ataques à Petrobras

Posted by Armando em 25/02/2015

Mais do que uma questão de polícia, de Justiça ou de corrupção, os fatos que estão envolvendo a Petrobras dizem respeito à soberania do Brasil. A maior e mais importante empresa pública do país está sendo alvo de ataques de forças que têm por objetivo sua privatização para, com isto, se apoderar do seu patrimônio, construído ao longo de décadas, e das prósperas reservas de petróleo que estão hoje em seu poder.

Publico abaixo este Manifesto, redigido por sociólogos, economistas, juristas, intelectuais e diversas outras pessoas com histórico em defesa dos interesses do Brasil e dos brasileiros, para que você, leitor deste Blog, possa entender melhor o que está por trás da Operação “Lava Jato” e dos constantes ataques que a Petrobras vem sofrendo nos últimos meses. Leia, raciocine e compartilhe também!

O QUE ESTÁ EM JOGO AGORA

A chamada Operação Lava Jato, a partir da apuração de malfeitos na Petrobras, desencadeou um processo político que coloca em risco conquistas da nossa soberania e a própria democracia.

Com efeito, há uma campanha para esvaziar a Petrobras, a única das grandes empresas de petróleo a ter reservas e produção continuamente aumentadas. Além disso, vem a proposta de entregar o pré-sal às empresas estrangeiras, restabelecendo o regime de concessão, alterado pelo atual regime de partilha, que dá à Petrobras o monopólio do conhecimento da exploração e produção de petróleo em águas ultraprofundas. Essa situação tem lhe valido a conquista dos principais prêmios em congressos internacionais.

Está à vista de todos a voracidade com que interesses geopolíticos dominantes buscam o controle do petróleo no mundo, inclusive através de intervenções militares. Entre nós, esses interesses parecem encontrar eco em uma certa mídia a eles subserviente e em parlamentares com eles alinhados.

Debilitada a Petrobras, âncora do nosso desenvolvimento científico, tecnológico e industrial, serão dizimadas empresas aqui instaladas, responsáveis por mais de 500.000 empregos qualificados, remetendo-nos uma vez mais a uma condição subalterna e colonial.

Por outro lado, esses mesmos setores estimulam o desgaste do Governo legitimamente eleito, com vista a abreviar o seu mandato. Para tanto, não hesitam em atropelar o Estado de Direito democrático, ao usarem, com estardalhaço, informações parciais e preliminares do Judiciário, da Polícia Federal, do Ministério Público e da própria mídia, na busca de uma comoção nacional que lhes permita alcançar seus objetivos, antinacionais e antidemocráticos.

O Brasil viveu, em 1964, uma experiência da mesma natureza. Custou-nos um longo período de trevas e de arbítrio. Trata-se agora de evitar sua repetição. Conclamamos as forças vivas da Nação a cerrarem fileiras, em uma ampla aliança nacional, acima de interesses partidários ou ideológicos, em torno da democracia e da Petrobras, o nosso principal símbolo de soberania.

20 de fevereiro de 2015

Alberto Passos Guimarães Filho
Aldo Arantes
Ana Maria Costa
Ana Tereza Pereira
Cândido Mendes
Carlos Medeiros
Carlos Moura
Claudius Ceccon
Celso Amorim
Celso Pinto de Melo
D. Demetrio Valentini
Emir Sader
Ennio Candotti
Fabio Konder Comparato
Franklin Martins
Jether Ramalho
José Noronha
Ivone Gebara
João Pedro Stédile
José Jofilly
José Luiz Fiori
José Paulo Sepúlveda Pertence
Ladislau Dowbor
Leonardo Boff
Ligia Bahia
Lucia Ribeiro
Luiz Alberto Gomez de Souza
Luiz Pinguelli Rosa
Magali do Nascimento Cunha
Marcelo Timotheo da Costa
Marco Antonio Raupp
Maria Clara Bingemer
Maria da Conceição Tavares
Maria Helena Arrochelas
Maria José Sousa dos Santos
Marilena Chauí
Marilene Correa
Otavio Alves Velho
Paulo José
Reinaldo Guimarães
Ricardo Bielschowsky
Roberto Amaral
Samuel Pinheiro Guimarães
Sergio Mascarenhas
Sergio Rezende
Silvio Tendler
Sonia Fleury
Waldir Pires

Posted in OPINIÃO | Etiquetado: | Leave a Comment »

Paraná: primeiro do país em arrecadação, mas segundo em dívidas

Posted by Armando em 23/02/2015

Greve dos professores  contra o "pacote de maldades" do governador do Paraná completa 15 dias

Greve dos professores contra o “pacote de maldades” do governador do Paraná completa 15 dias

Matéria divulgada na semana passada pelo jornal Folha de S.Paulo, trouxe um levantamento sobre as finanças dos governos estaduais do Brasil e revelou que o Paraná está em segundo lugar em endividamento. De acordo com o jornal, dos 27 Estados do país, 17 fecharam as contas do ano passado no vermelho.

O campeão em dívidas é o Rio de Janeiro, com o caixa estourado em R$ 7,339 bilhões, seguido do Paraná, que em 2014 ficou com um resultado negativo no balanço R$ 4,611 bilhões. Estes números levam em conta as receitas arrecadadas pelos Estado, menos as despesas, sem levar em conta os juros. No caso do Paraná, o governador Beto Richa (PSDB) mais uma vez coloca a culpa no Governo Federal pela crise financeira do Estado.

Dados divulgados nos últimos dias demonstram que o Estado está em sétimo lugar na lista de repasses feitos pela União, sendo que nos últimos 12 anos, durante os governos Lula e Dilma Rousseff, o Paraná recebeu em torno de R$ 38,75 bilhões de recursos.

Embora tenha se mantido na oposição ao Governo Dilma, o governador do Paraná foi o que mais recebeu moradias do Minha Casa, Minha Vida, proporcionalmente em relação aos demais Estados do país. Também foi conseguiu junto ao Governo Federal ônibus escolares, verbas para creches, escolas, maquinários e acesso a empréstimos para executar obras.

Não bastasse isso, nos últimos anos o governador aumentou o ICMS (Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços) em 44%, o que levou o Estado a ocupar o posto de campeão em arrecadação de impostos em relação aos outros estados brasileiros. No total, o governo do Paraná elevou em 56% os impostos entre 2010 e 2014, contra uma inflação acumulada de 39% no mesmo período.

Então, se entrou dinheiro, seja pelos repasses do Governo Federal, ou pelo aumento dos impostos, a única razão para justificar a situação pela qual está passando o Paraná é a falta de planejamento durante seus quatro primeiros anos de mandato. Cabe lembrar que neste período, não entregou sequer uma obra de grande porte no Estado.

Ao mesmo tempo, Beto Richa abusou das contratações dos chamados comissionados. Segundo informações divulgadas pelo deputado Enio Verri (PT), entre janeiro de 2010 e março de 2013, Richa aumentou em 283% os gastos com estes servidores não concursados. Naquele ano, o Estado tinha 4.076 comissionados.

Agora, sem entrar em detalhes a respeito de como cobrou o caixa do Paraná em sua gestão, o governador tucano pretende cortar direitos históricos dos trabalhadores, aumentou impostos sobre produtos da cesta básica, o IPVA e ainda quer se apoderar de R$ 8 bilhões de reservas que a ParanáPrevidência tem para bancar a aposentadoria dos servidores estaduais.

Diferente do que discursou durante a campanha que lhe deu a reeleição, quando disse as finanças do Estado estavam em dia, Beto Richa quebrou o caixa do Estado.

Tudo isso levou ao caos que vemos hoje e levou à deflagração de greve dos professores e diversas outras categorias profissionais do serviço público estadual. O Blog está ciente do que ocorreu e se solidariza a este movimento, por ser sério, justo e necessário para impedir que conquistas histórias sejam jogadas por terra em função da má gestão do Estado do Paraná.

Posted in OPINIÃO | Etiquetado: , | Leave a Comment »

Beto Richa tenta aprovar na marra ‘pacotaço’ contra os servidores do Paraná

Posted by Armando em 11/02/2015

Foto greve servidores pr 10022015

Os grevistas ocuparam a Assembleia Legislativa ontem (10/02), logo após a aprovação do “tratoraço” de Beto Richa

Com apoio de 34 deputados aliados, o governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), conseguiu aprovar ontem (10/02), no plenário da AL (Assembleia Legislativa do Paraná), em Curitiba, a admissibilidade dos projetos de lei 001/2015 e 002/2015, que provocam redução nos direitos dos servidores públicos estaduais.

Numa rápida votação, feita com as galerias da AL lotadas por grevistas, foi aprovada proposta de transformar o plenário daquela casa em Comissão Geral, possibilitando que seja aprovado em regime de urgência os dois projetos. Votaram contra 19 deputados e um se absteve.

Após esta decisão, favorável aos interesses do governador, professores e servidores ocuparam o prédio da AL. Na manhã de hoje (11/02), a Justiça determinou a reintegração de posse e a Polícia Militar está prestes a invadir o prédio para retirar os grevistas.

Sempre contrário ao diálogo com os Sindicatos representativos do funcionalismo público estadual, Beto Richa, está em lugar desconhecido. A presidência da Assembleia Legislativa pensa em realizar a votação do “pacote de maldades” em outro local, sem que seja permitida a entrada dos grevistas.

A mobilização dos servidores do Paraná tem recebido apoio de diversas entidades, câmaras de vereadores e da população, que tem se manifestado contrária ao ataque aos direitos, bem como ao sucateamento do setor de Educação, o que será mais prejudicado com as medidas pretendidas pelo governador tucano.

Veja abaixo como os deputados do Paraná votaram o “pacotaço” de Beto Richa:

A FAVOR

Alexandre Curi (PMDB)
Alexandre Guimarães (SC)
André Bueno (PDT)
Artagão Júnior (PMDB)
Bernardo Ribas Carli (PSDB)
Cantora Mara Lima (PSDB)
Cláudia Pereira (PSC)
Cobra Repórter (PSC)
Cristina Silvestri (PSC)
Dr. Batista (PMN)
Elio Rusch (DEM)
Evandro Júnior (PSDB)
Felipe Francischini (SD)
Fernando Scanavaca (PDT)
Francisco Bührer (PSDB)
Gilson de Souza (PSC)
Guto Silva (PSC)
Hussein Bakri (PSC)
Jonas Guimarães (PMDB)
Luiz Carlos Martins (PSD)
Luiz Cláudio Romanelli (PMDB)
Márcio Nunes (PSC)
Maria Victória (PP)
Mauro Moraes (PSDB)
Missionário Ricardo Arruda (PSC)
Nelson Justus (DEM)
Palozi (PSC)
Paulo Litro (PSDB)
Pedro Lupion (DEM)
Plauto Miró (DEM)
Schiavinato (PP)
Tiago Amaral (PSB)
Tião Medeiros (PTB)
Wilmar Reichembach (PSC)

Contra o pacotaço de maldades

Adelino Ribeiro (PSL)
Ademir Bier (PMDB)
Anibelli Neto (PMDB)
Chico Brasileiro (PSD)
Evandro Araújo (PSC)
Gilberto Ribeiro (PSB)
Márcio Pacheco (PPL)
Márcio Pauliki (PDT)
Nelson Luersen (PDT)
Nereu Moura (PMDB)
Ney Leprevost (PSD)
Paranhos (PSC)
Pastor Edson Praczyk (PRB)
Péricles de Mello (PT)
Professor Lemos (PT)
Rasca Rodrigues (PV)
Requião Filho (PMDB)
Tadeu Veneri (PT)
Tercílio Turini (PPS)

Voto minerva
Ademar Traiano (PSDB) não votou porque presidia a sessão

 Fonte: APP Sindicato e Blog do Esmael

Posted in APP-SINDICATO, NOTÍCIA | Etiquetado: , , | Leave a Comment »

Servidores do Paraná deflagram greve contra “pacotaço” do governador Beto Richa

Posted by Armando em 08/02/2015

Foto Assembleia APP Sindicatoa 07022015 maiorEm Assembleias realizadas neste final de semana em diversas cidades do Paraná, servidores públicos estaduais aprovaram deflagração de greve por tempo indeterminado contra o “pacote de maldades” lançado pelo governador Beto Richa (PSDB) neste início de ano.

A Assembleia Geral da APP Sindicato, realizada ontem (7/02), em Guarapuava, aprovou a deflagração de greve geral, por tempo indeterminado, a partir de segunda-feira (9/02). Estiveram presentes cerca de 10 mil pessoas. O movimento deve comprometer o retorno às aulas, amanhã, em mais de 2,1 mil escolas públicas estaduais.

Esta decisão tem por objetivo pressionar o governo a rever os ataques aos direitos dos servidores da Educação e aos demais, que sofreram calotes nos salários, no pagamento do terço de férias e podem ter rebaixadas conquistas históricas, como, por exemplo, o adicional por tempo de serviço (quinquênio), auxílio-transporte, Licença-especial, entre outros.

Além dos professores, servidores e técnicos administrativos da Rede Estadual de Ensino e da IEEs (Instituições Estaduais de Ensino Superior), também cruzará os braços o pessoal da saúde, com a paralização das atividades a partir do dia 12 de fevereiro.

Pressão constante

Entre outras atividades de pressão pela manutenção de conquistas históricas, que estão em risco com o “pacote de maldade” de Beto Richa, os servidores farão acampamento a partir da semana que vem em frente ao Palácio Iguaçu e da AL (Assembleia Legislativa). Os professores também farão contatos com os deputados estaduais em suas bases, cobrando a não aprovação dos projetos de lei enviados pelo governador à AL, que propõem os ataques aos direitos.

Neste final de semana, policiais militares e bombeiros que atuam na Operação Verão, com atividades no litoral paranaense, realizaram protestos denunciando o governo do Paraná pela falta de pagamento das diárias.

Falta de respeito

Segundo divulgou o Blog do Esmael, a primeira-dama e secretária de Estado da Família, Fernanda Richa, exprimiu através das Redes Sociais na sexta-feira (6/02) a média do pensamento do governo Beto Richa acerca da educação no Paraná.

Em postagens no Facebook e Instagram, a mulher do governador sugeriu que “os professores paranaenses tiveram 60% de reajuste salarial e 50% de hora-atividade, mas, mesmo assim, o Ideb caiu no período Richa”.

De acordo com Esmael, isto “não é exatamente como imagina a primeira-dama e o governo Richa como um todo. O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) 2013 caiu da primeira para a 11ª posição no ranking nacional porque o governo do vem sucateando da educação como nunca na história do Paraná.”

Postagens no site da Secretaria de Educação do Paraná a estratégia é a mesma, divulgar diversas notas referentes a reajustes concedidos, implantação da hora-atividade e outros, sem no entanto mencionar a crise que se abate sobre o setor.

Tentando com isso jogar a culpa nos professores pela queda no rendimento dos estudantes, a primeira-dama, da mesma forma como o governo de seu marido, não mencionou os motivos que está levando a classe à greve. Nenhum comentário a respeito do calote no terço de férias e nas rescisões trabalhistas dos professores PSS e nada também sobre a ameaça de extinguir conquistas como os quinquênios, auxílio-transporte e de comprometer a aposentadoria dos servidores públicos efetivos.

“No Palácio Iguaçu reina o pensamento, segundo qual, professores e funcionários públicos efetivos têm de ser tratados no cacete para baixarem a crista. Acham os palacianos que se o profissional for massacrado economicamente fica mais dócil, mais fácil de lidar”, avaliou o jornalista Esmael Morais.

Fonte: APP Sindicato e Blog do Esmael

Posted in APP-SINDICATO, NOTÍCIA | Etiquetado: , , | Leave a Comment »

Servidores do PR se mobilizam contra ataques do governo do Estado. Assista ao vivo a Assembleia da APP

Posted by Armando em 07/02/2015

Ilustração corte de direitos APPA falta de pagamento dos salários dos professores contratados pelo regime PSS (Processo Seletivo Simplificado), o calote no terço de férias e os ataques aos direitos ao conjunto dos servidores públicos estaduais estão jogando as diversas categorias para uma greve geral.

Em Londrina, os professores e servidores técnicos da UEL (Universidade Estadual de Londrina) paralisarão as atividades na segunda-feira (9/02).

A insatisfação com as medidas tomadas pelo governador Beto Richa (PSDB) neste início do ano foi ampliada com os projetos enviados à Assembleia Legislativa. Entre outros cortes, o governador pretende reduzir de 5% para 0,1% o adicional por tempo de serviço, acabar com a ParanáPrevidência para criar outra entidade de previdência complementar, impondo um teto de benefícios de R$ 4,6 mil.

Entre outras pontos, tem ainda mudanças no cálculo do auxílio-transporte e a suspensão da Licença-especial, além do corte de milhares de contratações na área da Educação neste início de ano letivo.

Professores da Rede Estadual de Ensino estão reunidos hoje (7/02), em Guarapuava, para uma Assembleia Geral, na qual serão definidas as estratégias de luta contra o “pacote de maldades” do governador Beto Richa. Participam da Assembleia cerca de 6 mil professores de todo o Estado, numa demonstração de força para combater os ataques desferidos pelo governador.

Nesta mobilização já foi definida a realização de vigília em frente ao Palácio do Iguaçu, sede do governo do Paraná, e presença constante no plenário da Assembleia Legislativa para pressionar os deputados a votar contra os projetos apresentados por Richa.

Acompanhe, através do link abaixo, a Assembleia da APP em Guarapuava através da cobertura da TV 15, do senador Roberto Requião, que está sendo transmitida pelo Blog do Esmael.

Cobertura ao vivo da Assembleia dos professores do Paraná, realizada hoje (7/02), em Guarapuava

Posted in NOTÍCIA | Etiquetado: , , | Leave a Comment »

Projetos de Beto Richa na AL rebaixam direitos dos servidores

Posted by Armando em 05/02/2015

O governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), enviou à Assembleia Legislativa ontem (4/02) os projetos de lei 001/2015 e 002/2015, que estabelecem mudanças em diversos direitos dos servidores estaduais. As medidas visam reduzir gastos com pessoal e tramitarão em regime de urgência na AL.

Um dos projetos prevê alterações nas regras de promoções e de progressão do QPM (Quadro Próprio do Magistério) e também do QFEB (Quadro de Funcionários da Educação Básica). Com isso, o governador quer cortar as vantagens que os professores conquistam ao longo dos anos e dificultar ao máximo a elevação dos seus salários.

Na avaliação da APP Sindicato, as mudanças propostas pelo governador destroem as carreiras do QPM e QFEB, dificultando a ascensão profissional dos professores estaduais.

Não bastasse essas maldades, os projetos de Beto Richa trazem ainda mudanças no cálculo do Auxílio-transporte de todos os servidores estaduais, além de cortar este benefício para quem sair de férias ou de licença.

Outro importante direito que está em risco é a aposentadoria. O governador tucano quer acabar com a ParanáPrevidência e se apoderar dos recursos que esta entidade tem em caixa para pagar os benefícios dos servidores.

A intenção dele é criar a PREVCOM PARANÁ, uma entidade de previdência fechada, que passará a administrar a aposentadoria de todos os servidores do Estado. Se esse projeto de lei for aprovado pelos deputados, o limite de aposentadoria dos servidores públicos estaduais será feito pelo teto do Regime Geral de Previdência Social, que atualmente está fixado em R$ 4, 6 mil mensais.

Como miséria pouco é bobagem, nas mensagens enviadas para apreciação dos deputados Richa também quer mudar o quinquênio, adicional por tempo de serviço, no qual o servidor hoje recebe reajuste de 5% no salário a cada cinco anos trabalhados. O governador quer reduzir o anuênio para míseros 0,1% ao ano, jogando por terra este direito que serve para valorizar a carreira do servidor estadual.

Mobilização dos servidores

Para impedir que o governador Beto Richa consiga aprovar esses dois projetos na Assembleia Legislativa, a APP Sindicato e outras entidades sindicais estão convocando os servidores a comparecerem em peso nas sessões daquela casa para pressionar os deputados e garantir a manutenção destes direitos essenciais, que podem cair por terra se não houver reação.

A APP Sindicato discutirá os ataques que o governo do Paraná está fazendo contra os professores e demais servidores da Educação em Assembleia Geral, a ser realizada no dia 7 de fevereiro, em Guarapuava.

Em Londrina, hoje (5/02), o SindiprolAduel realizou Assembleia no Auditório do Centro de Ciências Humanas, para discutir estratégias contra a retirada de direitos dos professores das Universidades Estaduais.

Amanhã (6/02), a Assuel, Sindicato dos servidores da UEL discutirão em Assembleia a organização de greve geral em conjunto com as demais categorias afetadas pelos pacotes de maldades lançados por Beto Richa.

 

Posted in NOTÍCIA | Etiquetado: , | Leave a Comment »

Governador Beto Richa é recebido com vaias na posse dos deputados estaduais

Posted by Armando em 02/02/2015

Banner assembleia APP SindicatoO calote nos salários dos cerca de 29 mil professores contratados pelo Estado do Paraná através do PSS (Processo Seletivo Simplificado), o atraso no acerto da rescisão dos contratos encerrados em dezembro e o não pagamento do 1/3 de férias para o conjunto de servidores levou diversos manifestantes gerou protesto ontem (1º/02) no Plenário da Assembleia Legislativa, em Curitiba, durante a posse dos deputados estaduais.

Presente à cerimônia, o governador Beto Richa (PSDB), foi recebido com vaias e com a palavra de ordem “Richa caloteiro, cadê o meu dinheiro”.

Deputados de oposição já estudam a possibilidade de instalar CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) na Assembleia para investigar as razões do sumiço do dinheiro dos cofres do governo do Paraná. Segundo estudos do Dieese, o Estado foi um dos que mais arrecadou tributos e recebeu repasse de verbas do Governo Federal nos últimos quatro anos.

Construindo a greve

Movidos pela insatisfação com a falta de dinheiro nos cofres do Estado, professores da Rede Estadual de Ensino, das Universidades Estaduais e outros servidores afetados pelos cortes e atrasos nos direitos estão dispostos a deflagrar greve para mudar o cenário. Soma-se a isso o não repasse de recursos para as escolas iniciarem as aulas a partir do dia 9 de fevereiro.

Em função de tudo isto, a APP Sindicato está convocando os professores para participarem de manifestações nesta terça-feira (3/02) em diversas cidades para denunciar a situação aos paranaenses.

Veja abaixo os locais onde haverá mobilização da APP:

NS Apucarana – 03/02 – 8h00. Em frente ao Núcleo Regional de Educação

NS Arapongas – 03/02 – 8h00. Em frente ao Núcleo Regional de Educação

NS Cascavel – 03/02 – 9h00. Ato será em frente ao Núcleo Regional de Educação. Caso haja inauguração do Cetrad, haverá ato no evento.

NS Cornélio Procópio – 03/02 – 16h00. Em frente ao Núcleo Regional de Educação

NS Curitiba Norte – 03/02 – 16h00. Em frente à Sefa

NS Curitiba Sul – 03/02 – 16h00. Em frente à Sefa

NS Foz do Iguaçu – 04/02 – 16h00. Em frente ao Núcleo Regional de Educação – panfletagem centro.

NS Francisco Beltrão – 03/02 – 9h00 (na praça da Matriz); 16h00 em frente ao Núcleo Regional da Educação

NS Guarapuava – 03/02 – 10h00 (NRE Gorpa / NRE Pitanga); 9h00 na Praça da Matriz

NS Irati – 03/01 – 16h00. Em frente ao Núcleo Regional da Educação

NS Jacarezinho – 03/01 – Reunião no Núcleo Sindical

NS Londrina – 03/01 – 9h00. Em frente ao Colégio Vicente Rijo.

NS Mandaguari – O ato será junto com o de Maringá.

NS Maringá – 03/01 – 16h00. Em frente ao Núcleo Regional da Educação.

NS Metronorte – 03/01 – 16h00. Em frente à Sefa

NS Metrosul – 03/01 – 16h00. Em frente à Sefa

NS Paranavaí – 03/01 – 15h00. Em frente ao Núcleo Regional de Educação

NS Pato Branco – 04/01 – Reunião no Núcleo Sindical

Ns Ponta Grossa – 03/01 – 16h00. Em frente à Sefa

NS Umuarama – 04/01 – Reunião com diretores no Núcleo Sindical

NS União da Vitória – 03/01 – 16h00. Em frente ao Núcleo Regional da Educação.

Fonte: APP Sindicato e Blog do Esmael

 

Posted in NOTÍCIA | Etiquetado: , | Leave a Comment »

 
%d blogueiros gostam disto: